sexta-feira, outubro 08, 2010

Somos a principal causa da extinção das espécies

Somos a principal causa da extinção das espécies



Esta semana (de 4 a 10 de outubro) é de comemoração pela Proteção da Fauna. Em todos os cantos ocorrem ações para a valorização e proteção dos animais.

Sabe-se que a fauna brasileira enfrenta enormes prejuízos, desde a sua extinção em ambientes silvestres, até os maus tratos em ambientes urbanos, porém, algumas iniciativas apontam resultados satisfatórios na minimização de problemas relacionados à fauna silvestre.

Como exemplo destaca-se um projeto desenvolvido pela Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS), localizada no litoral do Paraná, que realizou monitoramento de ninhos do papagaio-de-cara-roxa (Amazona brasiliensis) - espécie ameaçada de extinção - e verificou que 73 filhotes sobreviveram a predadores, chuvas e parasitas.

Conforme a entidade pesquisa-dora, 125 ninhos foram monitorados, durante outubro e fevereiro de 2009, nas Ilhas Rasa, Gamelas e Grande, no litoral do Paraná. A maioria dos filhotes que voaram eram de ninhos artificiais, o que demonstra a importância destes como estratégia de conservação da espécie.

Ainda segundo a SPVS, os fatores que levaram a não obtenção do sucesso dos 105 filhotes fazem parte da natureza como doenças, parasitas e predação natural. “Entretanto, um dos ninhos naturais não seguiu esta regra, pois foi destruído e os filhotes foram roubados para provavelmente serem vendidos no comércio ilegal de animais silvestres! É importante salientar que o roubo de ninhos diminuiu consideravelmente após as ações do projeto no litoral do Paraná, mas infelizmente ainda acontece. A retirada de animais na natureza é uma das principais causas que levam a extinção de espécies”, afirma a coordenadora do projeto e bióloga Elenise Sipinski.

Ações como esta estão sendo realizadas em diversas localidades e muitos projetos de Proteção à Fauna vêm ganhando cada vez mais fôlego e força com o engajamento da sociedade, visivelmente mais sensibilizada com as questões ambientais. Fica a sugestão de que educadores pesquisem com seus alunos ações como esta, em sua realidade. Bom trabalho!


Bere Adams

Informativo Apoema Nº 77
http://www.apoema.com.br/

Nenhum comentário: