segunda-feira, maio 23, 2011

Marina cobra veto de Dilma à reforma do Código Florestal - Vamos cobrar também!

Marina cobra veto de Dilma à reforma do Código Florestal - Vamos cobrar também!

Importante mensagem recebida do Presidente do Instituto Mater Natura, que compartilho neste blog.



Eu já enviei uma mensagem a Presidenta Dilma, abraços florestais, Bere.


Conforme a notícia abaixo, a estratégia mais eficiente para evitar a votação do Código Florestal nesta terça-feira (dia 24 de maio), é ir todos para a internet, no site da Presidência da República (www.presidencia.gov.br), “fale com a Presidenta”: https://sistema.planalto.gov.br/falepr2/index.php ), e encher de mensagens pedindo a manutenção do código e o cumprimento das promessas de campanha eleitoral.


Paulo Pizzi


Mater Natura

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



Marina cobra veto de Dilma à reforma do Código Florestal 23/05/2011


Mais de mil pessoas – segundo dados da assessoria de imprensa da SOS Mata Atlântica – protestaram na manhã deste domingo (21) contra o novo Código Florestal, proposto pelo relator do projeto, deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP).


A manifestação, organizada pela coalização de ONGs SOS Florestas, contou com a presença de diversas lideranças políticas, como a ex-senadora Marina Silva, candidata à Presidência da República pelo PV, em 2010, e o ex-deputado Fábio Feldmann, também do PV.


Os deputados federais Ricardo Tripoli (PSDB-SP), Paulinho Teixeira (PT-SP), Ivan Valente (Psol-SP) e Alfredo Sirkis (PV-RJ), e o vereador paulistano Gilberto Natalini (PSDB) também participaram do ato.


Marina cobrou da presidente Dilma Rousseff as promessas de campanhas que a então candidata fez no segundo turno. “A presidente Dilma Roussef se comprometeu, durante o segundo turno das eleições, que vetaria qualquer lei que ampliasse o desmatamento. Esperamos, então, que ela não permita”, afirmou.


Se a previsão do líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), se concretizar, a manifestação de hoje terá sido a última antes da votação da reforma do Código Florestal. Ele havia afirmado Florestal será votado na próxima semana, diz Vaccarezza, na semana passada, que ela deve ocorrer na próxima semana, entre terça-feira e quarta-feira. (Fonte: Folha.com)







Nenhum comentário: