domingo, fevereiro 03, 2013

Volta às aulas

Volta às aulas

A euforia do reencontro é maravilhosa, apesar de toda situação calamitosa que se encontra a situação da EDUCAÇÃO no Brasil. 

A alegria de rever e conhecer novos colegas e professores é imensa, apesar da desvalorização dos nossos maravilhosos mestres, apesar da falta de respeito de uns poucos professores que não valorizam sua profissão, e apesar de alguns poucos alunos que “influenciam” outros, imaturos - com atitudes nocivas.

O material escolar novinho, os cadernos em branco, os lápis de cores, os livros, na mochila, são um incentivo adicional para o retorno escolar, apesar de muitos alunos carecerem destes instrumentos pela falta de compromisso de nossos governantes – material escolar é FERRAMENTA para a educação, como um bisturi o é para a medicina.

Retornar às escolas, preparadas para mais uma jornada anual, que nas férias ecoam um longo silêncio que não se repete quando o ano letivo começa, é muito prazeroso, apesar de muitas delas estarem em péssimas condições para receberem professores e alunos sedentos de saber.

As aulas são uma preciosidade para todos nós porque elas são, para a maioria, a única oportunidade de desenvolver habilidades, ampliar o conhecimento, compartilhar saberes, exercer a cidadania, tudo isto e muito mais.

Que nesta volta às aulas retorne, também, a curiosidade saudável, o coleguismo entre mestres e alunos, o respeito por toda comunidade escolar e pelo meio ambiente - que quer se fazer presente em cada aula.

Já nos dizia Albert Einstein: "Tenha em mente que tudo que você aprende na escola é trabalho de muitas gerações. Receba essa herança, honre-a, acrescente a ela e, um dia, fielmente, deposite-a nas mãos de seus filhos".

Que nesta volta às aulas os professores venham confiantes e conscientes do poder que têm nas mãos, e que os alunos os reconheçam como bússolas a lhes apontarem novos horizontes.

Ninguém é obrigado a gostar da escola, mas todos temos o DEVER de respeitá-la, honrá-la, valorizá-la, porque se não fosse por ela, ninguém estaria, neste momento, lendo esta mensagem.

Bere Adams.




Nenhum comentário: